Caxias do Sul 05/03/2024

O som do blues colore os ares de Caxias do Sul

Projeto "O Blues é Black" leva a história do gênero musical a pontos culturais do município em atividades gratuitas
Produzido por redação, 12/02/2024 às 09:27:44
O som do blues colore os ares de Caxias do Sul
William Pereira e Tomás Seidl abordarão a história do gênero musical em pontos culturais de Caxias
Foto: Danielle Correa/Divulgação

A Sala de Teatro Prof. Valentim Lazzarotto, no Centro de Cultura Ordovás (Rua Luiz Antunes, 312, bairro Panazzolo), recebe na próxima quinta-feira (15), às 19h, o workshow inaugural do projeto "O Blues é Black". O evento, aberto à comunidade, intercala show dos artistas Tiago Luis Breda, João Pedro Rocha e Tomás Seidl com comentários de Seidl e do historiador William Pereira.

Ao todo, serão cinco apresentações em pontos culturais de Caxias do Sul. A ideia é promover um mergulho na história do gênero musical desde o século XIX, quando o blues surgiu como canções de trabalho entoadas pela população negra escravizada do extremo Sul dos Estados Unidos. Os bate-papos também abordarão as diferenças existentes entre os subgêneros do blues, curiosidades biográficas sobre autores, intérpretes e instrumentalização utilizada.

A proposta de aproximar ainda mais o gênero musical da comunidade surgiu com o guitarrista e professor Cristian Rigon, referência da cena blues de Caxias do Sul, que morreu em fevereiro de 2023, aos 46 anos. Em homenagem ao legado artístico de Rigon, a equipe do projeto decidiu manter a circulação, desde o setlist escolhido até o formato dos workshows.


Músicos Tiago Luis Breda, Tomás Seidl e João Pedro Rocha
apresentam setlist de clássicos do gênero
(Foto: Danielle Correa/Divulgação)

Além da apresentação musical e dos comentários de contextualização histórica, o público receberá uma fanzine com o resumo das informações. O material foi produzido pelos próprios artistas, com design gráfico de Ernani Carraro.

Depois da estreia no Ordovás, a circulação segue com mais quatro apresentações gratuitas. No próximo domingo (18/02), o encontro será no Ponto de Cultura UAB Cultural, às 20h. Na sequência, o Reffugio abre as portas para o blues no dia 25 de fevereiro, às 16h. O projeto passa pelo Complexo Poliesportivo da Zona Norte, no bairro Portal da Maestra, dia 10 de março (16h), e encerra com nova apresentação no Reffugio, dia 13 de março, às 19h.

O projeto "O Blues é Black" tem financiamento da Lei Municipal de Incentivo à Cultura (LIC) de Caxias do Sul.