Caxias do Sul 27/05/2024

Fabricante de autopeças da Serra se reinventa e cresce 37% em 2023

Após números negativos, empresa adota novas estratégias e fecha o último ano com faturamento de R$ 9 milhões
Produzido por Silvana Toazza, 19/01/2024 às 15:15:04
Fabricante de autopeças da Serra se reinventa e cresce 37% em 2023
Camila Brezolin, diretora comercial, comemora resultados
Foto: divulgação

A RAV Correntes, fabricante de autopeças e correntes para o setor de transporte rodoviário de cargas de São Marcos, encerrou 2023 cantando pneus. As estratégias acertadas garantiram crescimento de 37% na receita em relação ao ano anterior, alcançando faturamento de R$ 9 milhões.

"A gestão de compras e a relação com fornecedores, aliadas à consolidação de nossas ações comerciais, garantiram nosso desempenho positivo”, festeja Camila Brezolin, diretora comercial da empresa.

Em síntese, o resultado foi puxado pela melhoria na estratégia de compra de matérias-primas, internação de processos e participação em feiras. O salto ocorreu após um tombo no exercício anterior: em 2022, a receita foi de R$ 6,6 milhões, abaixo do ano anterior (R$ 7,7 milhões), por conta do aumento de preços de insumos e escassez de materiais.

Reconquista do mercado

A retomada exigiu ações assertivas e ousadas. Sem ficar de braços cruzados e lamentar, mas sendo proativa, a companhia voltou a crescer, alterando sua forma de compra de materiais, com novos fornecedores e ampliação de volumes adquiridos junto aos parceiros, com negociações mais viáveis.

“Com pedidos de maior volume, conseguimos negociar valores menores”, explica Camila.

Outro ponto importante foi a internação de alguns processos produtivos. A empresa, que já vinha nessa transição desde 2021, acelerou a ação desenvolvendo ou adquirindo maquinário adequado para desenvolver internamente etapas como galvanização de peças e corte a laser. Ajustes que foram essenciais para a redução de custos.

Com os produtos com preços mais competitivos, a RAV Correntes avançou no mercado. A participação em feiras de negócios cresceu e em 2023 a indústria brilhou na Autonor (Recife-PE), Fenamarco (São Marcos-RS) e Mercopar (Caxias do Sul-RS). A recompensa chegou e animou a equipe.

A maior parte do faturamento da RAV Correntes decorre da comercialização de autopeças, que representa 65% das vendas. A parte de correntes, que está no DNA da empresa desde seu nascimento, atualmente responde por 35%. O setor de produção de autopeças foi agregado para atender à demanda dos clientes que identificaram na marca um fabricante confiável, explica Camila. E deu muito certo.

Sobre a RAV Correntes: foi criada em 2017 em São Marcos (RS) e fabrica correntes, dobradiças, engates, ganchos, grampos fixadores e pinos, entre outras peças. Atende as principais marcas do setor de transporte rodoviário de carga. Dispõe de engenharia própria e atualizada, desenvolvendo produtos e, a pedido do cliente, soluções customizadas. Exporta seus produtos para Chile, Bolívia e Paraguai.