Caxias do Sul 29/06/2022

Empresas unem forças e doam iluminação dos jardins ao Lar da Velhice, em Caxias do Sul

Evento na noite de 21 de dezembro (terça-feira) marca o acendimento das luzes como um presente de Natal aos 70 residentes
Produzido por Silvana Toazza, 20/12/2021 às 17:11:46
Empresas unem forças e doam iluminação dos jardins ao Lar da Velhice, em Caxias do Sul
Iluminação garante conforto e segurança aos residentes
Foto: Mauro Martins

Cooperação. União de forças. Pensamento coletivo. Visão de solidariedade. É com esses conceitos em mente e muita ação nas mãos que um projeto social ganhará luz neste final de ano em Caxias do Sul.

Tradicional espaço que abriga idosos em situação de vulnerabilidade social, o Lar da Velhice São Francisco de Assis recebe iluminação em sua ampla área externa, contemplando jardins, pergolado, varanda, capela, horta e curral de ovelhas. O acendimento de luzes será marcado por um evento para convidados, nesta terça-feira, 21 de dezembro.

Espaços externos, como a gruta, ganharam novo visual noturno (Foto: Mauro Martins)

“Será um presente de Natal aos 70 residentes do lar, que poderão usufruir as áreas externas à noite com segurança. Queremos oportunizar a essas pessoas um convívio melhor com o ambiente externo, a natureza, com custo zero ao lar. Será um Natal iluminado no pátio”, expressa Paulo Magnani, diretor geral da Magnani Luz e Energia.

A empresa, com mais de 50 anos de história, encabeçou o projeto de iluminação dos jardins do Lar da Velhice a partir de um pedido vindo de Rejane Gattelli de Brito Polidoro, assistente social da instituição há 14 anos.

“Estamos melhorando muito os jardins e as áreas externas. Pensamos em utilizar a estrutura para confraternizações de final de dia e à noite, mas sem iluminação é impossível. Foi quando levei a ideia até uma empresa reconhecida no ramo, a Magnani. O máximo era receber um não”, salienta Rejane.

Mas aconteceu justamente o contrário. Veio o “sim” entusiasmado por parte de Paulo Magnani, que entrou com o projeto, a infraestrutura e arregimentou forças junto aos seus tradicionais parceiros. Um deles foi Junior Dambrós, da Dambrós Soluções em Energia, responsável por parte da execução da obra. Junto com sua equipe, Junior abriu 230 metros de valetas lineares para passar a tubulação e a fiação elétrica para as luminárias:

“Acho gratificante participar desse projeto social em que o comprometimento de muitos faz a diferença a quem mais precisa”, salienta Junior.

A fabricante Stella, especialista em soluções com tecnologia LED, ingressou no projeto com a doação dos equipamentos de última geração.

“Estamos muito felizes em fazer parte desta ação social. Saber que nossos produtos trarão ainda mais qualidade de vida para as pessoas nos enche de orgulho”, frisa Denise Rezer de Morais, diretora comercial da Stella.

Iluminação chega como presente de Natal (Foto: Dayane Mena Barreto)

Trabalho desafiador

Maximiliano Magnani, arquiteto e consultor da Magnani, assina o projeto de iluminação externa do Lar da Velhice São Francisco de Assis, com vistas à valorização dos ambientes, à potencialização de seu uso e à segurança aos idosos. Por isso, considera o trabalho, dada a ampla área externa, bastante desafiador.

“A ideia do paisagismo evoca o aconchego, dar um uso mais abrangente para as áreas externas, principalmente no verão, e que se torna ainda mais importante com a pandemia. É preciso muito cuidado no projeto para não ofuscar caminhos, não criar sombreamentos. Foi necessário ainda aumentar o índice de iluminação para essa faixa etária”, destaca o arquiteto.

O projeto luminotécnico foi desenvolvido com um time de profissionais e técnicos, com cabos elétricos especiais, luminárias específicas com a tecnologia LED, com baixo consumo de energia, embora o Lar da Velhice disponha de energia solar, em projeto anterior também viabilizado por meio da parceria solidária com a Magnani. O projeto de iluminação dos jardins chega com ares de modernidade e acionamento por wi-fi, num modelo já utilizado em automação nas chamadas casas inteligentes.

Aposta em projetos sociais

Dayane Mena Barreto, coordenadora comercial da Magnani Luz e Energia, destaca que não é novidade o engajamento da empresa em projetos de cunho social, incluindo a anterior parceria com o Lar da Velhice para a usina de energia solar. Ela também lembra de outras ações, como a desenvolvida recentemente pela equipe da Magnani, no Dia das Crianças, junto a uma instituição de Caxias do Sul que acolhe crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social.

Nascido há 61 anos, o Lar da Velhice São Francisco de Assis tem hoje lotação máxima, com 70 residentes. Como atua com público em vulnerabilidade social, depende de filantropia para se manter. O prédio abrigou nos primórdios um convento.

Lar da Velhice está com lotação máxima de 70 idosos (Foto: Marcia Dip)

O presidente do Lar da Velhice desde maio de 2021, Oidi Luiz Galeti, comemora a conquista da iluminação na área externa e considera que o projeto surpreendeu e ficou muito além da expectativa inicial.

“Será um salto na qualidade de vida dos idosos. Hoje eles não têm como caminhar no escuro. Chega ao final do dia, eles se recolhem. Essa novidade proporcionará que eles fiquem mais tempo na área externa, com mais conforto e segurança”, festeja Oidi.

O presidente acrescenta que o Lar da Velhice sobrevive de doações feitas pela comunidade e que uma ampla reforma interna também se mostra necessária no horizonte. Outras empresas e pessoas da comunidade podem abrir o coração com solidariedade para ajudar a manter a qualidade de vida dos idosos e a infraestrutura do Lar da Velhice, uma instituição filantrópica, ligando para (54) 3225.1677 ou 3217.0010.

Se cada um fizer um pouco, estimulando a corrente do bem, o resultado é uma sociedade mais justa, humana, digna e solidária.