Caxias do Sul 28/09/2021

Randon reduzirá emissão de gases do efeito estufa em 40% até 2030

Conglomerado caxiense lança compromissos públicos de sustentabilidade em sintonia com o pacto global da ONU
Produzido por redação, 01/06/2021 às 09:48:04
Randon reduzirá emissão de gases do efeito estufa em 40% até 2030
Foto: Marcio Campos

Um evento online para acionistas, comunidade e imprensa, na tarde desta terça-feira (1º de junho), selará publicamente o compromisso das Empresas Randon, sediadas em Caxias do Sul, com foco em ESG (sigla em inglês para Ambiental, Social e Governança).

Na lista de propósitos a serem implementados estão a redução da emissão de gases do efeito estufa em 40% até 2030, eliminação da disposição de resíduos em aterro industrial e zerar o lançamento de efluentes até 2025.

Os desafios estão em sintonia com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU). Dessa forma, a companhia formatou sua ambição de sustentabilidade em cinco pilares: condução ética e responsável, excelência e segurança como um valor, compromisso com o meio ambiente, prosperidade para todos e inovação sustentável. Para cada pilar, há um conjunto de ações e diretrizes internas para alcançar os compromissos elencados.

"Nos 72 anos de história, as Empresas Randon sempre trilharam um caminho alinhando a sustentabilidade e a geração de valor com estratégias e ações relacionadas ao meio ambiente, iniciativas sociais e governança. Essa jornada ganha ainda mais força agora, com metas estabelecidas e apresentadas para a comunidade, associadas também ao nosso propósito de conectar pessoas e riquezas, gerando prosperidade", salienta o CEO das Empresas Randon, Daniel Randon.

Seguindo os preceitos e estratégias de cuidados com o meio ambiente, chamados de Rota Verde, tanto as Empresas Randon quanto a Fras-le e outras unidades do grupo buscam oportunizar ganhos de ecoeficiência em todas as suas operações. Para isso, a companhia buscou megatendências de mobilidade, com um olhar para o uso eficiente de recursos naturais e o combate às mudanças climáticas.

Ainda neste dia 1º de junho, a Randon SA e a Fras-le SA publicam o Relatório de Sustentabilidade 2020, adotando, pelo segundo ano consecutivo, a Global Reporting Initiative (GRI) Standard, melhor prática global voluntária de monitoramento e reporte do desempenho de Governança Ambiental, Social e Corporativa (ESG).

A saber: além de apresentar seus compromissos públicos, as Empresas Randon também se tornaram signatárias do Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU), uma iniciativa proposta para encorajar empresas a adotar políticas de responsabilidade social corporativa e sustentabilidade.