Caxias do Sul 23/10/2021

“O cooperado é o dono do negócio”

Novo diretor de negócios da Unicred Integração anuncia plano de ampliar a atuação da cooperativa para o país
Produzido por Silvana Toazza, 24/09/2021 às 11:17:27
“O cooperado é o dono do negócio”
Vanderlei Fiametti tem experiência de 32 anos na área
Foto: Regina Lain

POR SILVANA TOAZZA

Depois de se fortalecer no Rio Grande do Sul e chegar ao Nordeste, a Unicred Integração sonha ainda mais alto: conquistar atuação nacional, a partir da expansão nos últimos anos para Fortaleza/CE, Natal/RN e Teresina/PI.

É o que revela Vanderlei Fiametti, 50 anos, que há cerca de três meses assumiu o cargo de diretor de negócios da instituição, com uma bagagem de 32 anos em cooperativas, gestão de pessoas e liderança organizacional.

Atuar num setor com tanta concorrência quanto o financeiro não assusta o novo executivo. Pelo contrário, o desafia a criar oportunidades em um cenário de muitas mudanças.

Em entrevista exclusiva para o site, Vanderlei Fiametti, natural de Frederico Westphalen (RS), com graduação em Ciências Contábeis e especializações no Exterior, comenta essa nova página em sua vida profissional:

Como surgiu a Unicred Integração?
Ganhou essa denominação em 1º de abril de 2013, a partir da unificação de três forças cooperativas regionais gaúchas: Unicred Nordeste (sede em Caxias do Sul), Unicred Litoral Sul (sede em Rio Grande) e Unicred Pelotas. Atualmente com mais de 12 mil cooperados, proporciona suporte financeiro por meio de créditos, aplicações financeiras e prestação de serviços da forma mais simples e benéfica. Em 2020, a Unicred Integração ampliou sua área de atuação e agora conta com uma Unidade de Negócios em Fortaleza (Ceará).

Como recebe o desafio de assumir a diretoria de negócios da Unicred Integração?
É uma enorme satisfação fazer parte desse Sistema Financeiro Cooperativo, e também uma grande responsabilidade pelo que a instituição representa para nossos cooperados, colaboradores e sociedade.

Qual sua principal meta no cargo?
Posso citar duas frentes para esse momento: oferecer soluções financeiras aos nossos cooperados; expansão da área de atuação para os estados do Nordeste (Ceará, Rio Grande do Norte e Piauí). Hoje já temos uma Unidade em Fortaleza, e já atuamos fortemente nas regiões Sul e Nordeste do RS. O objetivo é continuar o crescimento vertical e horizontal da cooperativa.

Os principais obstáculos?
Atender às necessidades dos cooperados em um setor altamente competitivo como é o sistema financeiro no Brasil. Mas, conhecendo os nossos diferenciais e nossos alicerces, que são o relacionamento e o modelo de negócio em que o cooperado participa dos resultados da instituição, estamos no caminho para superar quaisquer obstáculos.

Qual a estrutura da Unicred Integração?
Hoje a Unicred Integração conta com 12 mil cooperados e atende as cidades e as regiões de Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Farroupilha, Garibaldi, Vacaria, Lagoa Vermelha, Pelotas, Rio Grande, São Lourenço do Sul e Santa Vitória do Palmar, no RS, e Fortaleza/CE, Natal/RN e Teresina/PI. São 12 Unidades de Negócios com estrutura moderna, personalizada e que proporcionam aos cooperados uma experiência única e diferenciada dos modelos tradicionais dos bancos. A Unicred Integração possui um portfólio amplo de produtos e serviços específicos e personalizados para as demandas do cooperado, como Investimentos, Crédito, Previdência Privada, Consórcios, Seguros, entre outros.

Quais os planos de expansão no horizonte?
A Unicred Integração vem atuando em um ambicioso plano de expansão pelo Brasil, e temos bastante trabalho para nos fazer presentes em diversas áreas de abrangência nos próximos anos, tanto aqui no Rio Grande do Sul como nas regiões do nordeste do país, onde estamos chegando com o desafio de levar os benefícios do cooperativismo para o maior número de pessoas possível.

Atuar numa cooperativa é diferente em relação a um banco tradicional?
Completamente. Em uma cooperativa, o cooperado é o dono do negócio, participa das decisões e recebe parte do lucro que a cooperativa gera. Em um banco, o lucro é dividido entre os acionistas, que são os donos. Só isso já é um grande diferencial. Além disso, proporcionamos relacionamento mais próximo e um atendimento mais personalizado, voltado para as necessidades de cada cooperado.

Quais as principais demandas do público hoje?
Todos os nossos produtos e serviços possuem forte aceitação no mercado. Temos demanda latente por consultoria financeira e pela previdência privada, o Precaver. Nosso trabalho hoje é todo desenvolvido para dar suporte ao cooperado, em todas as fases da sua vida financeira.

Há retomada de investimentos no mercado? Que setores se destacam nesse movimento?
A retomada no setor do turismo e da prestação de serviços está vindo muito forte, mas de um modo em geral a economia vem se aquecendo como um todo. Temos muitos incentivos viáveis no mercado financeiro para fomentar as nossas atividades econômicas.

2021, está sendo um ano muito desafiador, mas....
que vai dar certo!