Caxias do Sul 18/08/2022

Clínica odontológica investe R$ 500 mil para abrir 3ª unidade em Caxias do Sul

Novo empreendimento do bairro Kayser promete avaliação inicial, exames e aparelho dentário no mesmo dia
Produzido por Silvana Toazza, 08/06/2022 às 13:35:21
Clínica odontológica investe R$ 500 mil para abrir 3ª unidade em Caxias do Sul
Foto: reprodução

A OrthoDontic, franquia que oferece todos os serviços odontológicos e está focada em tornar o aparelho ortodôntico acessível a todos os públicos, chega com a sua terceira unidade em Caxias do Sul.

Com investimento de R$ 500 mil, a unidade do Kayser inaugura neste sábado, dia 11 de junho, com a promessa ao público de fazer a avaliação inicial, realizar os exames e colocar o aparelho dentário no mesmo dia. Dessa forma, a marca eleva seu quadro de funcionários na cidade para 40 pessoas.

“Tanto na unidade da Júlio de Castilhos quanto nessa nova, no Kayser, o paciente chega para a avaliação inicial, realiza os exames e sai com o aparelho dentário colocado. Tudo no mesmo dia e no mesmo lugar”, afirma a dentista Sabrina de Barros Horbach, sócia da franquia em Caxias do Sul ao lado de Michel Horbach.

Esse é um dos focos da OrthoDontic, além da oferta de condições de pagamento que tornem o aparelho para ajustar os dentes um desejo acessível a mais pessoas, representando um forte aliado na autoestima.

Sabrina e Michel Horbach (foto: Daniela Xu)

Atualmente, Sabrina está focada na administração do negócio, porém, segue assinando como responsável técnica da OrthoDontic Caxias. A primeira unidade da marca, inaugurada em 2016, fica na Rua Pinheiro Machado. A segunda, na Júlio de Castilhos, abriu em 2019 e já chegou com raio-x panorâmico, mesma situação da clínica que será implantada no Kayser. Apenas o aparelho de raio-x representa um investimento de R$ 200 mil, mas garante agilidade na avaliação do paciente.

A escolha pelo bairro da Zona Sul está ligada à densidade populacional. Além disso, com esse movimento, a OrthoDontic começa o seu processo de descentralização. As reformas na sala alugada duraram em torno de dois meses, e a nova unidade reflete o retorno no crescimento da franquia, que, na pandemia, havia estagnado.

“Não precisamos demitir ninguém e conseguimos passar por esse momento complicado. Em janeiro deste ano, começamos a ver o crescimento ser retomado, e a previsão é o faturamento crescer de 10% a 15% este ano em relação a 2021”, contabiliza Sabrina, prevendo para a nova filial retorno do investimento em nove meses.