Caxias do Sul 20/04/2021

Caxias do Sul consolida-se como polo de implementos rodoviários

Vocação do polo metalmecânico se fortifica com a aquisição da massa falida da Guerra SA e o retorno ao mercado do empresário Marcos Guerra
Produzido por Silvana Toazza, 25/03/2021 às 13:15:49
Caxias do Sul consolida-se como polo de implementos rodoviários
Marcos Guerra volta ao setor que tão bem conhece
Foto: Reprodução

POR SILVANA TOAZZA

A notícia, nesta semana, de que a AB Rodofort S/A - Implementos Rodoviários, de Sumaré (SP), arrematou a massa falida da Guerra SA, incluindo duas plantas fabris em Caxias do Sul e duas em Farroupilha, devolveu doses extras de otimismo ao mercado metalmecânico da Serra em meio a um cenário de incertezas provocado pela pandemia e pelo desemprego.

A Justiça já homologou o lance superior a R$ 90 milhões e, com isso, a empresa paulista começa a contratar inicialmente 200 trabalhadores para reativar as máquinas na Serra, com a promessa de que chegará a 500 funcionários ao final do terceiro ano de operação. Muitos deles são ex-funcionários da Guerra SA que serão reabsorvidos.

Junto a essa boa-nova, que representa também a possibilidade dos ex-colaboradores da Guerra SA receberem parte de seus direitos, outra novidade acelera no horizonte do setor de implementos. Marcos Guerra, ex-diretor da Guerra SA, fundada por seu pai e que teve o controle acionário vendido em 2008 ao fundo de investimentos francês Axxon Group, anunciou o retorno ao mercado de implementos rodoviários.

Em vídeo que começou a circular na internet nesta semana, Marcos Guerra apresenta sua nova empresa, aliando inovação e a experiência de 50 anos no setor, agora sob a marca Estrada Implementos Rodoviários.

“É uma empresa nova, formada por colaboradores, acumulando mais de 50 anos no mercado nacional e internacional. Muito em breve teremos uma extensa rede de concessionários para a venda e pós-venda em todo o território nacional”, anuncia o empresário.

Ao lado desses dois novos empreendimentos que ressurgem, incluindo a reativação da marca Guerra SA, que já foi a segunda maior fabricante de implementos rodoviários do Brasil, Caxias do Sul abriga a gigante Randon, líder na produção de reboques e semirreboques da América Latina e entre as 10 maiores do mundo.

Com 71 anos de história, a Randon é uma marca conhecida no mundo, com presença em mais de 100 países de todos os continentes e com um exército superior a 10 mil trabalhadores.

Enquanto isso, a Guerra SA voltará em breve a rodar o Brasil e o Exterior sob a batuta da Rodofort S/A. Já o empresário Marcos Guerra retorna a um mercado bem conhecido seu e que está no DNA familiar, com a marca Estrada. Isso impacta positivamente em toda uma engrenagem de fornecedores e sistemistas.

Nossas marcas circulam e circularão pelo país e o mundo em formato de carrocerias para caminhões, reboques, semirreboques, bitrens, rodotrens, furgões, lonados e graneleiros. Mais empresas, mais renda, mais oportunidades, mais desenvolvimento. A acompanhar as próximas marchas deste setor tão vital à economia da Serra.

Assista ao vídeo de Marcos Guerra, clicando em:

https://www.youtube.com/watch?v=q-KHL_9D24Q

Leia também:

Empresa paulista arremata massa falida da Guerra SA