Caxias do Sul 05/08/2020

BANDEIRA VERMELHA, de novo, na região de Caxias do Sul

Governo do Estado divulgou novo mapa no modelo de distanciamento controlado para combate à Covid-19
Produzido por Silvana Toazza, 03/07/2020 às 18:12:05
BANDEIRA VERMELHA, de novo, na região de Caxias do Sul
Foto: REPRODUÇÃO

Na nona rodada do mapa de distanciamento controlado do Rio Grande do Sul, divulgada na noite desta sexta-feira (3), a região de Caxias do Sul voltou novamente à bandeira vermelha, denotando risco alto para o cenário de contágio da doença e ocupação hospitalar.

Os 49 municípios da região têm até domingo para apresentar recursos junto ao governador, que os submeterá à apreciação do Gabinete de Crise na segunda-feira, mesmo dia em que Eduardo Leite anunciará as bandeiras definitivas que passam a valer na terça-feira para o Estado.

Na última semana, a Serra também tinha voltado a ingressar na bandeira vermelha, mas a Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne) apresentou recursos e conseguiu reverter a decisão, garantindo que o comércio não essencial pudesse continuar atendendo.

No novo mapa, 10 regiões do Estado, abrangendo metade dos municípios e 73,4% da população gaúcha, estão na bandeira vermelha. A outra metade figura na laranja (risco médio), com a bandeira amarela (risco baixo) desaparecendo momentaneamente do território gaúcho. O Estado segue sem registro de bandeira preta (risco altíssimo).

SINAL VERMELHO: Caxias do Sul consta em terceiro lugar entre as regiões com maior número de novos registros de hospitalizações por Covid-19 nos últimos sete dias, apresentando 83 casos, atrás de Porto Alegre (227 casos) e Novo Hamburgo (91 casos).

.